Back To Top

Soma Criação

NFL aborda violência policial no SUPER BOWL

[ish_image image=”3355″ size=”full” align=”center”]

Com “Inspire Change”, organização aborda questões sociais

É difícil conhecer alguém que não tenha ouvido falar do Super Bowl. O evento esportivo, considerado o mais importante dos Estados Unidos, marca a final da NFL, principal liga de futebol americano do país. O espetáculo costuma atrair milhares de espectadores dos EUA e de todo o mundo. No começo deste mês, tivemos a edição de 2020, que contou com apresentações de Demi Lovato, Shakira e Jennifer Lopez. O Kansas City Chiefs levou a melhor e saiu vitorioso.

Violência policial

Os membros do time e artistas não foram os únicos a chamar atenção. Isso porque, a NFL transmitiu um comercial sobre violência policial contra homens negros. No vídeo, Anquan Boldin, ex-jogador, conta a história de Corey Jones, seu primo, morto por um agente enquanto esperava por assistência automotiva em uma estrada.

Inspire Change

Há algum tempo, a NFL passou a investir em manifestações voltadas às questões sociais. O programa “Inspire Change”, anunciado em janeiro de 2019, visa divulgar campanhas filantrópicas. A iniciativa firmou parceria com a Roc Nation, gravadora de música e entretenimento do rapper Jay-Z, para ampliar os esforços.

O projeto dividiu opiniões. O caso do jogador e ativista Colin Kaepernick, que costumava se ajoelhar durante a execução do hino dos Estados Unidos para se manifestar quanto às questões raciais, veio à tona. Ele foi afastado da liga profissional e não integra nenhum time desde 2016. Alguns acreditam que o “Inspire Change” é uma tentativa de reparar o que foi feito com Colin, além de um programa meramente comercial.

Tim Ellis, Chief Marketing Officer da organização, argumenta “o único jeito de responder aos críticos é simplesmente continuar focando em unir cada vez mais pessoas e lançar luz sobre o ótimo trabalho que os jogadores e times da NFL têm feito sobre mudanças sociais positivas em comunidades em todo nosso grande país. Mais de US$ 25 milhões em doações foram direcionadas a organizações de mudanças sociais como parte do Inspire Change. Isso inclui mais de 500 doações de atuais ou antigos jogadores da liga”.

Sucesso de audiência

Acreditando na idoneidade do projeto ou não, o Super Bowl de 2020 teve audiência de 102 milhões de pessoas nos Estados Unidos, ficando na décima colocação em comparação aos anos anteriores. Na internet, o jogo foi o mais transmitido ao vivo da história, chegando a 3,4 milhões.

Post a Comment